Efeitos do álcool no desempenho esportivo


É sabido que o álcool reduz as habilidades motoras e cognitivas de uma pessoa. Mas até que ponto isso pode comprometer o desempenho em atividades físicas? Para responder a essa pergunta vamos analisar alguns pontos importantes ocasionados pelo consumo do álcool.

O consumo elevado de bebidas alcoólicas tem sido associado a problemas de saúde mental, e também a a doenças cardiovasculares e do fígado, isso sem contar sua capacidade reduzir as faculdades congnitivas e levar indivíduos a tomarem decisões questionáveis, das quais poderão se arrepender, no dia seguinte. Mas, e para as pessoas que fazem um consumo moderado de álcool, quais são as consequências no desempenho da atividade física?

1) Desidratação

Os efeitos negativos do álcool são primeiramente vistos na função renal, fazendo com que o corpo perca o balanço ideal dos  eletrólitos. A desidratação causa aumento da acidez do sangue, diminui a força e o VO2 Max, além de causar desconforto e dores.

2) Letargia

O consumo de apenas uma dose de bebida altera os padrões das ondas cerebrais. O álcool também atua relaxando os músculos e vazos sanguíneos, como consequência a pressão tende a cair, diminuindo sensivelmente a capacidade de contração muscular (força). Além disso afeta a capacidade de concentração, diminuindo a capacidade do indivíduo de executar tarefas. O equilíbrio e coordenação também são afetados pela falta de glicogênio no cérebro.

3) Sono

Pode levar até 48 horas para que o álcool consumido seja completamente processado pelo fígado. O consumo de álcool costuma reduzir a qualidade e a duração do sono. Uma hora a menos de sono, pode representar uma queda de 12% nos níveis de testosterona.

4) Diminuição da testosterona

O consumo do álcool esta ligado a um aumento silencioso da produção de (estradiol/estrona) que são hormônios femininos. Porém, nada legal para quem quer ganhar massa muscular! Esses hormônios ainda inibem os receptores de testosterona no tecido muscular e hipotálomo. A testosterona sofre uma degradação e é removida do sangue e seu ritmo de produção diminui. Para acentuar esse cenário, o cortisol, um hormônio catabólico entra em ação com níveis elevados. Como resultado há uma perda significante de massa muscular e força.

5) Calorias

Além disso o consumo de álcool está associado a um ganho de peso, quase que exclusivamente na região do abdômem, aquela famosa “pancinha de chopp”.
Veja uma tabela abaixo:

Veja quais são as principais desculpas de quem abusa do álcool. Você já usou alguma delas?

  1. “Vou tomar café forte” – Apesar de estimulante, o café de nada altera o estado de embriaguez.
  2. “Vou tomar banho frio” – Água fria apenas dá a sensação de “acordar” no instante da ducha. Os efeitos do álcool, porém, permanecem inalterados.
  3. “Vou tomar vento” – Os efeitos do álcool não se dissipam com um “ventinho”. Só o passar do tempo elimina o álcool do organismo.
  4. “Vou comer antes de beber” – Os efeitos do álcool variam de pessoa para pessoa, mas uma coisa é certa: o álcool sempre produzirá alterações em sua percepção, ainda que você esteja muito bem alimentado.
  5. “Vou tomar um remédio” – A ciência não conseguiu produzir qualquer droga que elimine os efeitos do álcool. Nenhum comprimido, nenhuma receita milagrosa.
  6. “Vou beber porque conheço o meu limite” – Ninguém está tão acostumado a beber a ponto de ficar livre dos efeitos do álcool. É difícil saber exatamente a hora de parar. Até porque a primeira função a ser comprometida pela bebida é a capacidade crítica.
  7. “Vou beber esse tipo de bebida porque é mais fraca.” – Não existem bebidas fracas. O que determina o estado de alcoolemia é a quantidade de álcool ingerido. Ingerir 340ml de uísque ou cachaça não faz muita diferença. O certo é que, quem bebe, diminui os reflexos e não pode, de maneira alguma, dirigir.

O objetivo deste artigo não é condenar o álcool mas alertar a respeito dos riscos para quem pratica atividades físicas e deseja ganhar massa muscular e aumentar a performance. Se for consumir alcool, seja moderado e evite exageros.

Fontes:

http://www.consciencia.net/2003/07/12/transito2.html
http://www.cbcm.com.br

Enhanced by Zemanta

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: